Escrito em por

pinhais14

 

“Autobiografia de todo mundo”, espetáculo do Grupo Nômade que é diferente a cada apresentação, uma vez que a cena é construída com histórias e memórias do público, foi encenado na segunda-feira, dia 16, no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann. A realização em Pinhais teve a parceria da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer.

A performance é uma produção da Certas Produções e conta com atuação de Juliana Liconti, direção e dramaturgia de Caio Monczak, montagem e assistência de produção de Marcela Mancino, iluminação e operação de luz Guilherme Mendes Muniz, colaboração de Bianca Guimarães.

O espetáculo propõe que o espectador seja cocriador do acontecimento cênico e a participação ocorre de maneira muito distinta dos formatos mais usuais utilizados no teatro, criando um espaço de acolhimento e intimidade com a plateia. Autobiografia de todo mundo é um convite à convivência e criação coletiva de novas histórias e mundos possíveis. A colagem é o principal procedimento de composição de cena o que possibilita que o público veja a sua própria história em um novo contexto, muitas vezes improvável, absurdo, paradoxal.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)