Escrito em por

WSC_8327

 

O encontro foi promovido pelo Prefeito de Pinhais, Luizão Goulart, que enfatizou a necessidade de união entre prefeituras e lideranças em defesa do fortalecimento da Região Metropolitana de Curitiba.

Com o objetivo de unir e fortalecer ainda mais a Região Metropolitana de Curitiba(RMC) e debater a integração entre os municípios, o Prefeito de Pinhais, Luizão Goulart, promoveu um encontro com lideranças políticas da Grande Curitiba, no dia 12, segunda-feira. A reunião, realizada na capital do Paraná, contou com a presença de prefeito, vice-prefeitos eleitos, secretários, vereadores, candidatos ao Executivo e Legislativo nas últimas eleições e presidentes de partidos dos municípios de Piraquara, São José dos Pinhais, Curitiba, Rio Branco do Sul, Araucária, Lapa, entre outros. Dentre os presentes, destacamos a ex-Deputada Federal Rosane Ferreira(PV); o Presidente da Executiva Estadual do PV, Chico do PV; o Prefeito reeleito e o Vice-Prefeito eleito de Piraquara, Marcus Tesserolli e Josimar Fróes, a Vereadora e Vice-Prefeita eleita de Pinhais, Rosa Maria, e os Secretários Municipais Pedrosa e Girlei Eduardo(Piraquara) e Genésio Siqueira(Pinhais)
De acordo com Luizão Goulart, o encontro foi marcado para reunir lideranças e candidatos que estiveram juntos na última campanha eleitoral. “Não poderia deixar de fazer essa confraternização de final de ano. E aproveitando a aportunidade, quero fortalecer os vínculos e debater os desafios futuros na Região Metropolitana”, frisou Luizão Goulart.

Unir para fortalecer

Dirigindo-se aos presentes, um grupo de aproximadamente cinquenta lideres políticos de expressão na RMC, Luizão enfatizou a importância de se fazer política com união de forças, atuando em conjunto em prol de interesses comuns. “Quando estive à frente da Assomec, conseguimos o atendimento a certas demandas graças a essa união. Um bom exemplo foi a conquista de máquinas para municípios com até 50 mil habitantes, em programa do Governo Federal. Inicialmente, o Programa excluía a Região Metropolitana. Mas com união e muita luta, através da Assomec, conseguimos o benefício. Os municípios menores receberam uma patrola, uma retroescavadeira e um caminhão-caçamba. Infelizmente, a Assomec não tem promovido muitas reuniões entre os prefeitos desde que encerrei meu mandato na Presidência dessa importante Associação”, lamentou.

Licenciamento Ambiental

Outra grande ação à frente da Assomec, lembrada pelo prefeito de Pinhais, foi a descentralização do licensiamento ambiental aos municípios. “Já havia uma Lei Federal aprovada, isso em 2011, que permitia essa descentralização. Porém, foi uma briga. O IAP não queria abrir mão de sua força, mas conseguimos junto ao Conselho Estadual do Meio Ambiente viabilizar essa descentralização, garantindo poder de decisão aos municípios na liberação de licenças ambientais”, comemorou.

SAMU

O Consórcio dos serviços do SAMU, uma parceria recente entre Pinhais, Piraquara e Colombo, também mereceu destaque no pronunciamento do Prefeito Luizão. “Quebramos as resistências e conseguimos essa parceria muito importante para a saúde pública desses três importantes municípios da RMC”, lembrou.

RMC em Brasília

Entre os muitos assuntos abordados por Luizão e demais lideranças, no encontro, foi ressaltada a necessidade de se eleger um representante comprometido com a Região Metropolitana, para defender os interesses dos municípios em Brasília. Na oportunidade, o Prefeito de Pinhais ainda destacou as dificuldades de administrar um município. “Somos muito cobrados por atendimento a demandas que não são da responsabilidade de um prefeito, a exemplo de saúde, segurança pública e transporte. Essas três áreas são as mais críticas e não dependem da gestão municipal, integralmente. Transporte e segurança pública estão completamente dependentes de decisões de outras esferas de poder, e a saúde, na área de especialidades médicas, depende de parceria com o Governo do Estado”, explicou.

Candidatura em 2018

Durante a reunião, com o apoio dos presentes, Luizão disse que pretende lançar candidatura a Deputado Federal, em 2018. “Tenho intenção de ser candidato, colocar meu nome à disposição para defender os interesses da RMC em Brasília. Mas, para isso, eu preciso contar com o apoio de grandes lideranças. Só assim terei chances de vencer as eleições. Enquanto estive como deputado estadual, consegui levantar algumas bandeiras da Região Metropolitana, o que foi uma experiência muito válida. Na mídia, por exemplo, só tem notícias ruins sobre a RMC. É só desgraça. Com certeza, existem muitas coisas boas que podem ser divulgadas, tanto no turismo, desenvolvimento econômico, cultura, esportes, entretenimento, mas que não são destacadas pela grande mídia. Em Pinhais, por exemplo, tem o Autódromo e o Expotrade. Em São José dos Pinhais tem o Aeroporto Internacional, mas são colocados como fossem em curitiba. Já a Penitenciária, que fica em Piraquara, ninguém diz que é de Curitiba”, observou.

Em Defesa de Piraquara

O Prefeito de Piraquara, Marquinhos, discorreu sobre alguns dos desafios do município. “As cidades ganham recursos para poluir, não para preservar o meio ambiente. Mas Piraquara tem a característica de abrigar os mananciais de abastecimento de água e conta com restrições à atração de indústrias. Quem vai nos defender? Precisamos de representantes no Legislativo que conheçam o município e possam nos defender. Em nome do compromisso que tenho com Piraquara, sabemos que o Luizão pode lutar pelo nosso município. Diria que não é o Luizão que precisa ser deputado. Mas nós, da RMC, que precisamos do Luizão como deputado”, ressaltou.

Representante em Brasília

A ex-Deputada Federal Rosane Ferreira(PV) disse que não tem dúvidas de que a Região Metropolitana de Curitiba precisa de um representante no Congresso Nacional. “Com certeza, nossa Região precisa de um representante em Brasília. Tenho um orgulho danado de ter sido Deputada Federal. Há bandidos lá, sim. Mas também há pessoas decentes, trabalhando pelos interesses da população. Pena que poucos saibam dos projetos importantes que conseguimos aprovar. A mídia só destaca a corrupção. Aprovamos um projeto que garante o início do tratamento de câncer em 60 dias. A Região Metropolitana , vale lembrar, concentra 60% dos problemas do estado. Cresce numa progressão geométrica, enquanto os municípios do interior tendem a encolher”, pontuou.

Mudança de partido

Após o encontro, o Prefeito Luizão conversou com a reportagem do jornal A Gazeta Metropolitana e confirmou seu interesse em lançar candidatura a Deputado Federal, em 2018, mas disse que ainda não há nada definido. Sobre a possibilidade de aceitar um dos convites que tem recebido para trocar de partido, Luizão disse que a questão está em aberto. “No ano que vem, analisarei o estatuto e as propostas dos partidos que estão me convidando para que me filie. Vai depender da viabilidade de formação de uma chapa forte para lançar minha candidatura”, considerou.

Entre os objetivos para 2017, Luizão reiterou seu compromisso de cooperar com a administração de Marli Paulino, prefeita eleita de Pinhas para a gestão 2017/2020.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)