Escrito em por

pinhais04

 

Objetivo é disseminar a utilização desses vegetais para que o maior número de pessoas passe a conhecê-las e a utilizá-las

Em aproximadamente duas horas de preparo e com algumas dezenas de ingredientes, o curso de Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANCs) terminou com um verdadeiro banquete, aprovado pelas autoridades de Pinhais. O evento, que aconteceu no dia 15, segunda-feira, na sala de gastronomia do Centro de Empreendedorismo e Artesanato de Pinhais (Ceart) foi oferecido pela Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Semde), e ministrado pela chef Amanda Marfil.

No curso foram apresentadas alternativas viáveis para a utilização de plantas nas refeições do dia a dia, já que são encontradas em diferentes lugares, como em terrenos abandonados ou em hortas. Durante a capacitação os participantes aprenderam receitas com vegetais como coração de banana, banana verde, mamão verde, flores de beijinho, sementes, folhas e flores da capuchinha, jaca verde, urtiga, folhas e sementes de tanchagem.

De acordo com o secretário da Semde, Otto Huren, o objetivo do curso com PANCs é disseminar a utilização dessas plantas, para que o maior número de pessoas passe a conhecê-las e a utilizá-las. Para a chef Amanda Marfil, “o curso também é um resgate histórico, pois esses alimentos já foram consumidos há tempo, mas deixaram de ser devido ao atual mercado de consumo imediato. Mas, no curso vimos como é fácil e versátil utilizarmos esses alimentos ricos em diversidade, cores, sabores e texturas”.

A prefeita de Pinhais, Marli Paulino, também destacou a importância de incentivar na população o consumo de alimentos mais saudáveis. “Nos tempos atuais, com o processo de industrialização e com a falta de tempo com que as pessoas têm para cuidar da sua alimentação, realizar um curso como esse é um alento para a nossa comunidade”. Para a vice-prefeita Rosa Maria, devido ao fato da alimentação conter muitos agrotóxicos, “o momento é muito propício para a realização desse curso, mostrando que Pinhais está a frente na busca de soluções, não somente para os problemas locais, mas também para os desafios globais, como é a questão da alimentação”.

O secretário municipal de Governo, Ricardo Pinheiro, que também participou do almoço junto com os demais, pode conferir a diversidade da refeição feita pelos alunos do curso, que incluiu saladas, maionese de banana verde, molho pesto com urtiga, caponata com coração de banana, tortilha com várias plantas, nhoque com banana verde, escondidinho com polpa do melão, pastel integral, águas saborizadas e, de sobremesa, banana São Tomé com pimenta rosa.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)