O sucesso e o fracasso

por Gaudêncio Torquato

O novo governo nem chega a completar dois meses de vida e já dispara um conjunto de interrogações: qual o rumo em que caminhará o país? Terá vez por aqui um populismo de direita? O presidente Jair Bolsonaro conseguirá aprovar a agenda do Executivo no Congresso? Os militares assumirão que papel no cenário institucional, o de tutela do novo governo ou o de poder moderador? A polarização política, tão acesa ao correr da campanha, tende a continuar?

As dúvidas se multiplicam ante a perplexidade que tomou conta do país com o desenrolar do affaire envolvendo o Presidente Jair, seu filho Carlos e o ex-ministro da Secretaria-Geral do governo. É um exagero dizer que o país vivenciou uma crise. Não. Faltou muito para o episódio assumir o porte de crise. Pior foi ouvir o presidente nos áudios trocados entre ele e Bebianno. Que realmente manteve comunicação com o presidente, não sendo assim o mentiroso conforme atestava (…)


A Gazeta Cidade de Pinhais – Edição 514

(…)


Jardim das Américas Notícias – Edição 158

(…)


Agenda Local – Edição 322

(…)


Reunião da Saúde fortalece alinhamento entre Estado e municípios

governo01

 

A necessidade de mudança e o compromisso com a transparência foram os pontos fortes da primeira reunião ordinária, deste ano, da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), que reúne representantes estaduais e municipais na discussão e pactuação de ações na área de saúde no Paraná. O encontro que contou com a presença de cerca de 400 pessoas aconteceu na quarta-feira (20) em Curitiba.

“Vivemos uma nova etapa”, ressaltou o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto. Ele reforçou aos secretários municipais do Estado uma administração aberta a todos e dedicada à regionalização do atendimento à população.

“O diálogo e a transparência serão os fundamentos na discussão de todos os problemas que vamos en (…)