Escrito em por

curitiba01

 

O Prefeito Rafael Greca destacou a importância da preservação do patrimônio histórico ao abrir dois eventos no Memorial de Curitiba na noite de terça-feira (5/6): a exposição sobre a Catedral Basílica e o Seminário Cidade & Patrimônio, organizados pela Fundação Cultural de Curitiba.

Na abertura da exposição A Catedral e a Praça, um Passeio pela História e Arquitetura de Curitiba, o Prefeito lembrou fatos sobre a construção da igreja e do que ela representa para o desenvolvimento da cidade. Também ressaltou a importância de o público visitar a mostra que comemora os 350 anos da primeira Paróquia de Curitiba, devotada à Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, e os 125 anos da Catedral.

“Nós queremos multiplicar o conhecimento sobre a cidade, pois a qualidade de nossa consciência é o nosso maior bem. Se Curitiba tiver uma consciência de qualidade de seus bens culturais, de seu patrimônio, ela com certeza ficará cada vez mais moderna porque terá aprendido a ser eterna”, disse Greca.

O cônego da Catedral, padre Élio José Dall’Agnol, elogiou a pesquisa e a organização da mostra, que para ele está de acordo com a história da catedral. Ele também entregou uma cópia das certidões de batismo do prefeito e da primeira-dama, Margarita Sansone, sacramento recebido por ambos na Catedral.

“É bom que o povo veja como a Catedral faz parte da fundação da cidade. Sem os documentos e as fotos não temos história, não temos passado, nem futuro, apenas a esperança. O presente se baseia no passado para melhorar o que estava errado, refazendo a história”, disse o cônego.

A mostra apresenta cerca de 130 imagens e 11 maquetes de imóveis do entorno da Praça Tiradentes confeccionadas pelos alunos da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), que abordam o período de construção do templo, reformas e restauros posteriores, além dos usos do espaço pela população.

Seminário

Tendo como tema principal o patrimônio arquitetônico e urbano, o 1º Seminário Patrimônio & Cidade foi aberto pelo Prefeito, que ressaltou a relevância do centro histórico de Curitiba e a necessidade de preservação dos bens, materiais e imateriais, que fazem parte da memória da cidade.

“Uma cidade é uma coleção de boas lembranças. Neste sentido, preservar a memória de Curitiba é eternizar a nossa boa e bela história”, disse Greca.

O Prefeito destacou também o programa Rosto da Cidade, lançado recentemente, que visa valorizar e revitalizar o Setor Histórico.

“Uma cidade não se desenvolve se estiver desfigurada. O programa Rosto da Cidade contempla uma grande ação de resgate social, pintura dos prédios com resina antipichação e várias outras medidas que permitam aos curitibanos o uso de seus bens culturais.”

O Prefeito também assinou o Termo de Cooperação entre a Fundação Cultural de Curitiba e o Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Paraná (CAU) para aperfeiçoamento do exercício profissional de Arquitetura. O termo, assinado pelo presidente do CAU, Ronaldo Duschenes, prevê a realização de seminários, palestras e ações conjuntas para proteção e preservação do patrimônio cultural do município.

A presidente da FCC, Ana Cristina de Castro, destacou o lançamento do projeto Rostos da Cidade como um importante passo para proteger o setor histórico, assim como a realização do seminário, a parceria com as unversidades e o termo assinado com o CAU.

“A experiência trazida pelos palestrantes convidados e os pesquisadores permitirá um debate importante sobre a preservação da história e da memória da cidade, e uso dos nossos espaços”, disse a presidente.

A palestra de abertura do seminário foi feita pelo arquiteto e professor da Universidade de São Paulo (USP) Paulo Bruna, que falou sobre A Requalificação de Edifícios Obsoletos no Centro Histórico de São Paulo.

O seminário foi realizado pela Diretoria do Patrimônio Histórico da Fundação Cultural de Curitiba, em parceria com os cursos de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Paraná (UFPR), Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), Universidade Positivo (UP), Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Centro Universitário Curitiba (UniCuritiba), Centro Universitário UniCesumar de Curitiba e Centro Universitário FAE.

Presenças

Participaram dos eventos a secretária municipal da Educação, Maria Silvia Bacila; o presidente do Imap, Alexandre Jarschel; o secretário de Abastecimento, Luiz Gusi; o presidente da Cohab, José Luiz Lupion; o secretário do Esporte, Lazer e Juventude, Emílio Trautwein; a presidente da FAS, Elenice Malzoni; o secretário do Governo Municipal e presidente do Ippuc, Luiz Fernando Jamur; o historiador Marcelo Sutil; o presidente do CAU, Ronaldo Duschenes; a pesquisadora da história da Catedral, professora Aparecida Bahls; e as professoras Elizabeth Amorim de Castro (da UFPR) e Giceli Portela (da UTFPR).

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)