Escrito em por

por Vanessa Martins de Souza

Marcinho parabeniza atletas e Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer por 11ª. Copa Pinhais de Futebol

vereador marcinho

O Presidente da Câmara, Vereador Marcinho (PDT), parabenizou as equipes e os campeões da 11ª. Copa Pinhais de Futebol, séries Ouro e Prata. No domingo (14), aconteceram as finais do campeonato, após três meses com 98 jogos. O Garotos Unidos foi vencedor da série Ouro em uma partida contra o Tibagi, e o Graciosa venceu o Garotos do Beco, na série Prata. “Meus parabéns aos campeões e também às equipes participantes. Ao todo, foram 32 equipes, 840 atletas e 11 rodadas. Um campeonato incrível realizado pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer”, pontuou.

Marcinho lembrou ainda a tradição da Copa Pinhais de Futebol e o cuidado na organização do evento. “A Copa Pinhais de Futebol já é parte do calendário esportivo da cidade, e revela o quanto a Prefeitura está empenhada em fortalecer o esporte no município. Meus parabéns à Secretaria, a toda equipe que, com seu trabalho dedicado e competente, propiciou esse campeonato de grandes momentos aos atletas e à torcida”, congratulou.

 

Tavinho relata conquistas da Associação dos Moradores da Vila Nova União à comunidade

vereador tavinho

Nas Explicações Pessoais, o Vereador Tavinho (PT) relatou na tribuna sobre sua participação, na segunda-feira (15/07), do programa O Ponto da Política, na Associação dos Moradores da Vila Nova União, durante a prestação de contas da entidade. “Sou Presidente de Honra da Associação e, no encontro de ontem, seus dirigentes apresentaram as conquistas sociais para a comunidade. Um exemplo é o convênio com a Ceasa, para doação de frutas e verduras à comunidade. Outro convênio foi feito com a Fundação Joanir Zonta, dos Supermercados Condor, para entrega de cestas básicas às famílias da Vila Nova União. É muito gratificante verificar que a comunidade unida tem mais voz, mais força, e consegue conquistar melhorias para as pessoas quando atua em conjunto”, expressou.

Aulas da Capoeira, Inglês, Dança, Artesanato e Culinária

O petita acrescentou que há, também, um trabalho comunitário da Associação em torno da Capoeira, com 40 crianças praticantes do esporte, a partir das aulas do Mestre André. “Há, ainda, aulas de dança e de inglês com o Professor André. Bem como cursos de Culinária e Artesanato. Como é importante essa união da comunidade”, salientou.

 

Carlinhos do Eliza lembra que comunidade tem que ficar atenta com aquecedores à gás

carlinhos

O Vereador Carlinhos do Eliza (PT), lembrando de tragédias recentes retratadas no noticiário com aquecedores à gás nas residências, e exemplo da família morta em Osasco e da família de Santa Catarina, morta em viagem ao Chile, recomenda mais cuidados e atenção a quem tem o aparelho. “Infelizmente, no inverno, costumam ocorrer mortes por vazamento desse tipo de gás usado em aquecedores de chuveiros e torneiras nas residências. Por ser um gás completamente sem cheiro, as pessoas não percebem o vazamento e se não forem socorridas a tempo, sofrem acidentes fatais”, pontuou.

A principal medida para evitar acidentes, é a manutenção profissional e periódica do aparelho, a cada seis ou oito meses, de acordo com o fabricante. “Geralmente é preciso checar os dutos da chaminé do aquecedor, bicos de entrada de água e gás, pressão e os queimadores do aparelho. A instalação também deve ser feita somente por um profissional habilitado”, alerta o vereador.

Além disso, outros cuidados são importantes. Entre eles: o tempo de vida útil, pois o aquecedor deve ser substituído quando seu prazo de validade esgotar. O aquecedor deve acender, de forma imediata, logo após a abertura da torneira com água quente. Caso isto não aconteça, é recomendável procurar um técnico para verificar as instalações.

Por fim, a limpeza das duchas e torneiras é importante, pois a sujeira nestas peças pode diminuir a vazão da água. “Dessa forma, a temperatura da ducha pode ser maior do que a registrada no aquecedor”, acrescenta.

Vale destacar ainda que o local de instalação do aquecedor de água à gás geralmente dever ser na área de serviço das residências, já que este é o local mais arejado da casa.

 

Projeto do Vereador Binga, de criação da Semana da Capoeira, é aprovado por unanimidade

vereador binga

O Vereador Binga (CIDADANIA) comentou na tribuna sobre o projeto de lei de sua autoria aprovado por unanimidade na Casa durante a sessão em plenário desta terça-feira (16/07), de criação da Semana da Capoeira. “Gostaria de frisar que este projeto não é meu, sou apenas um interlocutor dos capoeiristas da cidade, que apresentam essa demanda. Foi o pessoal da capoeira que criou esse projeto. Revogamos o Dia da Capoeira, um projeto de autoria do então vereador Marcos Ceschin, de 2003, projeto que teve meu voto, inclusive. É uma iniciativa de pessoas que lutam, que trabalham por essa história, por essa valorização do esporte. Um exemplo é o Mestre Sergipe e toda a sua equipe, que lutam por esse esporte, e trabalham com duas crianças nas aulas, um grupo que ainda encontra dificuldades para alcançar mais crianças. Tem o Mestre Zagallo, também, que faz muito por esse esporte, lutando sempre com pouco dinheiro. Enfim, não é fácil para esses esportistas. Mas, contem sempre conosco aqui na Casa”, destacou.

O vereador ainda agradeceu ao Vereador Airton Silva, Presidente da Comissão de Justiça e Redação, pela aprovação do projeto de lei na Comissão Interna. “Não tem nada a ver com querer passar por cima do nome de ninguém. Mas, sim, atender à demanda dos capoeiristas da cidade. Votei a favor, na época, ao projeto do vereador Marcos Ceschin, eu estava junto, em 2003”, frisou.

Futebol amador e campeonato

Nas Explicações Pessoais, Binga parabenizou o futebol amador do município, bem como a todos que fazem o esporte local, além do trabalho da Guarda Municipal nos campeonatos. “Meus parabéns a todos os envolvidos no nosso futebol amador. Sem a Guarda Municipal, os campeonatos não seriam possíveis. Parabenizo, ainda, à Prefeitura, presente à decisão no Arizona, à Secretaria Municipal de Esportes, aos vereadores e ao pessoal do Weissópolis, que são esportistas de verdade, sabem fazer esporte. Foi uma decisão fantástica. Parabéns às equipes Tibagi e Garotos Unidos”, parabenizou.

Valorização dos servidores municipais aposentados

Ainda parabenizou aos servidores públicos aposentados do município por tudo o que fizeram pela cidade. “Os servidores públicos já aposentados também deram sua contribuição para a cidade chegar aonde chegou, ajudaram a fazer as mudanças. São maravilhosos. Tenho vinte anos de vereança, quase cinco mandatos finalizados. E posso dizer que, a cada dia, os servidores se revelam mais feras, mais competentes e dedicados. Quero agradecer a quem fez as coisas aconteceram na cidade, lá atrás”, valorizou.

Auxílio-alimentação

Ao finalizar, Binga expressou satisfação em votar favoravelmente ao projeto de lei que garante auxílio-alimentação aos servidores públicos municipais. “Fico feliz por termos aprovado esse auxílio aos servidores. Nenhum servidor deve perder seus direitos e garantias. Mas, no caso do Governador Ratinho Júnior, ele não conseguiu, infelizmente, dar o reajuste aos professores por conta de uma situação que veio do governo anterior. O Beto Richa também ficou engessado diante da Lei de Responsabilidade Fiscal. Afinal, contratou muitos policiais, aumentando os gastos coma folha de pagamento. Reitero que os deputados em Brasília precisam rever a Lei de Responsabilidade Fiscal, a fim de que estados e municípios possam investir mais no funcionalismo público”, defendeu.

 

Airton Silva discorre sobre inclusão dos conselheiros tutelares em benefício do auxílio-alimentação

vereador airton

O Vereador Airton Silva (PSC), ao comentar nas Explicações Pessoais sobre o projeto de lei aprovado em segunda discussão na Casa, nesta sessão em plenário, que institui o auxílio-alimentação aos servidores até o próximo mês de dezembro, referiu-se à sugestão do Vereador Vinícius da Cruz, que disse que o ideal seria incluir os conselheiros tutelares no benefício. Disse o Vereador Airton que os Conselheiros Tutelares são regidos por legislação específica, pois o Conselho Tutelar é um órgão independente do Poder Executivo. “Os conselheiros tutelares constituem-se num caso à parte. Mas, deve haver, sim, essa discussão de incluí-los no benefício. Porém, trata-se de uma lei específica para eles. Eles não são regidos pelo Estatuto do Servidor Municipal e nem estão inclusos no Pinhais Previdência. Já conversamos com o Poder Executivo Municipal sobre isso, afinal, são poucos conselheiros, não representando um grande acréscimo aos gastos”, esclareceu.

A inclusão do benefício do auxílio-alimentação, de acordo com o debate em plenário, deverá demandar aproximadamente R$ 2 milhões e 376 mil até o mês de dezembro de 2019 em despesas aos cofres públicos, conforme projeto de lei aprovado em segunda discussão na Casa durante a sessão em plenário da terça-feira (16/07).

Reforma tributária

O vereador também comentou sobre a reforma tributária que está sendo debatida no Congresso Nacional, e que deverá afetar os municípios. “Há uma proposta de unificar os impostos, incluindo os municipais, como ISS, IPTU e ITBI, e quem vai sofrer são os municípios. Precisamos ficar atentos a essa reforma”, comentou.

Boa situação fiscal de pinhais

A boa situação fiscal do município de Pinhais também foi lembrada pelo vereador, assim como a do Pinhais Previdência. “Estamos numa situação fiscal muito boa, inclusive, o Pinhais Previdência. Porém, estamos atentos ao limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal, beirando os 50% de gastos do orçamento com a folha de pagamento. Por isso, temos de cuidar com o que votamos na Casa para não ultrapassar esse limite prudencial, para que não tenhamos problemas futuros. Investir é preciso, tem de sobrar dinheiro para isso. Para a saúde, por exemplo, teria de haver uma mudança na remessa de recursos provenientes da arrecadação para que mais dinheiro chegue aos municípios. Saúde é basicamente competência da União e do estado. A maior parte dos recursos vem da União e do estado. Mas, é o município que é cobrado quando o SUS apresenta problemas. E os vereadores são o para-choque das reclamações da população. Vejamos o caso da nossa UPA, que atende muita gente de Piraquara, Colombo. Piraquara está com sua UPA fechada, parada, o resultado é que a população de lá tem de recorrer à nossa UPA. Mais de R$ 2 milhões mensais são gastos com a manutenção da nossa UPA. E não há contrapartida do Governo do Estado ou da União. A área da saúde é sempre problemática por conta dessa divisão de recursos injusta com os municípios, em que o dinheiro não chega em suficientes quantias do estado e do governo federal. O município tem de arcar com a maior parte dos custos”, ressaltou.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)