Escrito em por

por Vanessa Martins de Souza

Carlinhos do Eliza agradece Secretaria de Obras por atendimento a mais um requerimento

vereador carlinhos

O Vereador Carlinhos do Eliza (PT) agradeceu, no Grande Expediente, à Secretaria de Obras pelo atendimento a requerimento feito em fevereiro para uma obra na rede de esgoto na Avenida Maringá, esquina com a Rua Crescencio Batista. “Os moradores dessa área ao lado do conjunto de moradias estavam reclamando que o esgoto daquele conjunto estava sendo despejado na rede fluvial. Morador do local há trinta anos, seu Jair, e seu Xavier, que reside na região há mais de 10 anos, foram uns dos moradores que vieram nos procurar pedindo providências. Haviam feito vários pedidos por telefone à Sanepar, mas não foram atendidos. Conversei com o Diretor Sapinho, da Secretaria de Obras, e este intermediou uma reunião com a Sanepar. Enfim, hoje a obra foi concluída. O mau cheio no local acabou. Agradeço, também, à Sanepar pelo término da obra”, agradeceu.

Desligamento de emprego nos Supermercados Eliza

O parlamentar usou seu tempo de discurso também para levar a público sua decisão de desligamento da empresa onde trabalhava, os Supermercados Eliza, por iniciativa própria. “Comunico a todos que optei por pedir afastamento do supermercado, onde trabalhei por vinte e um anos, começando como empacotador e chegando à gerência. A decisão foi motivada pela necessidade de mais tempo para me dedicar ao mandato de vereador. Estava ficando difícil de conciliar as duas atividades, pois, ser vereador demanda muito tempo de dedicação e energia. É doloroso sair do supermercado onde fiz carreira. Agradeço muito a meu patrão, Sr. Cristóvão da Rosa, pela oportunidade que me foi dada, por ter aprendido tanto com ele, um homem justo e de bom caráter, que considero como se fosse meu pai, e a sua família, que muito me ensinou. Saio de cabeça erguida e com as portas abertas para voltar um dia, se assim for necessário. Agradeço, também, pela parceria de todos os funcionaram que trabalharam comigo no supermercado e aos clientes, com que fiz muitas amizades nesses anos ali. Agora, terei mais tempo para me dedicar ao trabalho pelo nosso município e o povo de Pinhais”,

Excesso de lombadas

Nas Explicações Pessoais, Carlinhos esclareceu alguns pontos importantes a respeito dos requerimentos para instalação de lombadas nas vias. “Hoje, estive conversando com o Secretário Euler, junto com o Neuci, para esclarecimentos sobre o porquê de muitos pedidos por lombadas não serem atendidos. Ele disse que, somente neste ano de 2017, já chegaram à Prefeitura 142 pedidos de lombadas e 45 de lombadas elevadas. Para a Rua Caliandra, por exemplo, próximo ao CEMEI, há cinco pedidos. Por um lado, é sinal de que os vereadores estão atuantes, atentos aos pedidos da população. Mas, considerando a viabilidade desses pedidos, há um fator importante: excesso de lombadas é inviável ao trânsito. Deixa o fluxo lento, intransitável. Melhorias no trânsito não podem se resumir à instalação de lombadas. A Prefeitura estuda os pedidos para verificar se são viáveis e se não vão atrapalhar o livre fluxo do trânsito. Há uma dificuldade, ainda, em relação a veículos pesados, como os ônibus. A empresa Expresso Azul fala em problemas de desgastes dos ônibus em vias com excesso de lombadas, pois freios e embreagem usados constantemente são danificados. Faz sentido limitar a colocação das lombadas por esses motivos. No Jardim Cláudia, há vias com duas lombadas, sem necessidade. É preciso trabalhar no sentido de disseminar a educação no trânsito, a consciência de motoristas e pedestres, principalmente. A orientação da Prefeitura é a de que as lombadas serão colocadas apenas em locais de riscos, mesmo. A viabilidade de cada requerimento tem sido muito bem avaliada”, esclarece.

 

Marcinho comemora pontuação de Pinhais como ‘Melhor Gestão Fiscal’ da Região Metropolitana

vereador marcinho

O Presidente da Casa, Vereador Marcinho (PDT), comemorou o bom desempenho em gestão fiscal do município, de acordo com o índice Firjan. O índice da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro avaliou Pinhais como a ‘Melhor Gestão Fiscal’ da Região Metropolitana de Curitiba. “Fomos pontuados como o primeiro município no ranking, ultrapassando até a capital. Isso significa que, em 29 municípios avaliados, temos a melhor gestão fiscal. É motivo de satisfação para esta Casa saber que participou da construção dessa realidade, estabelecendo uma parceria com o Poder Executivo no sentido de garantir apoio em plenário a todos os projetos que colaboraram para este resultado. A Câmara de Pinhais tem atuado com responsabilidade ao avaliar as proposições da Prefeitura, com muita cautela e rigor técnico, além da sensibilidade em discernir o que tem sido melhor para a cidade em cada momento. Fomos criticados por, em janeiro, não termos aprovado os reajustes salariais dos servidores. Contudo, agora colhemos os bons frutos, os reajustes já começaram a ser pagos e contamos com uma realidade de caixa compatível com o que determina a Lei de Responsabilidade Fiscal. Não estamos passando pelo aperto financeiro ao qual tantos municípios e estados têm passado em decorrência de medidas irresponsáveis”, comemorou.

 

Airton Silva destaca os serviços de castração

vereador airton

O Vereador Airton Silva (PSC) destacou um dos últimos eventos ocorridos no município, os serviços de castração realizados recentemente. “Parabéns à Secretaria de Meio Ambiente pelo belo trabalho que vem sendo realizado no Município de Pinhais e em especial a Secretária Rosana pelo pronto atendimento aos munícipes e vereadores. Temos ouvido elogios da população. As castrações vêm avançando na cidade, e se tem priorizados algumas cuidadoras e pessoas de baixa renda. Resta salientar que o mais importante é educar o povo, pois o animal fica doente é abandonado na rua. As políticas públicas nesta área têm avançado em nosso município, mas há pessoas que continuam a criticar o que está sendo feito. Hoje é inviável criar um espaço para abrigar animais abandonados no município, pois teríamos moradores de municípios vizinhos deixando seus animais aqui, aumentando a população de animais abandonados em nossa cidade”, lembrou.

Responsabilidade do eleitor

O parlamentar ainda comentou sobre a política nacional e a alta nos preços dos combustíveis. “A reforma tributária não é aprovada por nossos políticos e quem acaba pagando é o povo, principalmente com o aumento nos preços dos combustíveis, tudo, enfim, está atrelado ao modo de fazer política. Sem autorização da Câmara Federal, a única alternativa do Governo para cobrir os rombos criados por ele mesmo e aumentar os valores dos combustíveis e as taxas de energia elétrica. Tudo isso tem acontecido por incompetência de nossos políticos e, em razão de uma briga, de uma disputa entre eles, para o cidadão acaba sobrando a conta. Nós, vereadores de Pinhais, estamos fazendo nossa parte, dando apoio ao Poder Executivo”, salientou.

Desfile Cívico

“Outro ponto importante que destaco é o Desfile Cívico realizado em Pinhais, no último dia 02 de setembro. Foi feito com muita competência e carinho pelo Executivo e servidores, sendo reconhecido por pessoas de fora de nossa cidade. Essas experiências bem sucedidas são resultados de parcerias entre os três poderes, Executivo, Legislativo e Judiciário e órgãos do governo”, avaliou.

Distritão é lamentável

Sobre a proposta do ‘Distritão’, dentro da reforma política, o vereador posicionou-se contrário. “O Distritão será lamentável, se aprovado, só servirá para favorecer a perpetuação no poder dos políticos que são conhecidos e com mais dinheiro. O povo não costuma votar nos mais competentes, sempre vota em nomes conhecidos e de famílias tradicionais na política. O povo tem de votar com consciência, sem vender seu voto, e analisar o perfil do candidato e suas qualificações, assim como se não está envolvido em qualquer falcatrua. Critica-se muitos os políticos que estão aí, mas foi o eleitor quem os elegeu e os colocou lá em Brasília. Lembre-se que você como eleitor é responsável pelas mudanças de nosso país”, finalizou.

 

Binga defende mobilização do povo brasileiro em exigência à moralização da política

vereador binga

O Vereador Binga (PPS) foi à tribuna para discursar sobre a situação política do país, expressando sua indignação e preocupação com o cenário atual e futuro. “Depois de quatro semanas sem me pronunciar na tribuna, volto para falar da crise moral na política brasileira, em especial. No Congresso Nacional, tramita a reforma política. Fala-se em Distritão, em Distritão Misto, como novos modelos propostos. Mas a questão é que só há um lado interessado nessas propostas. O essencial para uma reforma política que vise o resgate da moralidade, primeiramente, seria a retirada do foro privilegiado aos políticos. Vivemos num país lindo, mas de uma carga tributária escorchante. Todo dia, quando o brasileiro acorda, dá de cara no noticiário com mais uma mala de dinheiro descoberta, nas mãos de políticos. Só tenho o Ensino Médio, fui engraxate, comerciante, mas vejo as pessoas estudando, pensando em progredir na vida, e fico triste em me dar conta de que, mesmo estudando, no Brasil, é muito complicado prosperar. É incompatível a um empreendedor crescer com a carga tributária que enfrenta, a burocracia, mais as dificuldades econômicas, por exemplo. O governo, em seus desmandos, só sabe aumentar impostos para cobrir rombos. São um bando de sem-vergonhas, a esperança do brasileiro chega a zero. Que futuro teremos? O povo trabalhando e os governantes desviando dinheiro público. Reforma política sem tirar o foro privilegiado não vai funcionar. Uma elite julgando no Congresso que o Temer não deve ser processado por acusação de corrupção. Uma elite, diga-se de passagem, eleita pelo povo. Essa postura vergonhosa do Congresso Nacional contamina a todos os políticos em todas as esferas do poder. Nossa imagem como políticos é atingida. Se somos chutados pelo eleitor, muitas vezes, é por causa do que fazem os políticos em Brasília”, lamentou.

Moralização da política

O parlamentar ainda complementou com outras situações alarmantes. “O eleitor é a força desse país. Fala-se em moralização da política, mas, aqui no Paraná, por exemplo, um estado afundado em corrupção e ainda há certos políticos sendo reeleitos. Considerando minha idade de 48 anos, e a expectativa média de vida do brasileiro, creio que eu tenha mais, digamos, uns vinte anos de vida. Me entristeço em saber que, até lá, talvez, não veja grandes mudanças no país. Um país onde a carga tributária é imensa e ainda se fala em mais alta de impostos. O povo está sufocado, afogado, cobrar mais impostos é para arrebentar de vez com as pessoas”, analisou.

Alta nos preços dos combustíveis

Sobre a alta nos preços dos combustíveis, Binga falou sobre as consequências para a economia do país. “O país anda nas rodas, pelas estradas. Tudo depende das estradas e, por consequência, dos preços dos combustíveis, do petróleo. E o Presidente da República ainda determina o aumento nos preços dos combustíveis, de novo, em plena crise, dizendo que precisa de mais dinheiro para repor o que falta. Não tenho o quê esperar de bom, a gente vê coisas de indignar e preocupar. Só não enxerga quem não quer. O povo está com dificuldades de sobreviver, de encontrar emprego, e a imoralidade continua. Bandidos com malas de dinheiro viraram rotina. É o fim”, entristeceu-se.

 

Vereador Tavinho pontua aumento da população em Pinhais, segundo IBGE

vereador tavinho

O Vereador Tavinho (PT) ressaltou, nas Explicações Pessoais, o Desfile Cívico em comemoração ao Dia da Independência, no sábado, dia 2, bem como o último censo do IBGE-Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. “Nessa semana, Pinhais foi destaque não somente pelo belíssimo Desfile Cívico, no dia, 2, mas também por ter sido um dos poucos municípios da Região Metropolitana que obteve crescimento populacional, segundo dados do último censo do IBGE. Ou seja, enquanto há cidades que estão estacionando, ou encolhendo em população, Pinhais cresce, um sinal de que tem sido atraente a novos moradores”, observou.

Melhor Gestão Fiscal da RMC, segundo índice Firjan

Outro destaque do município, continuou Tavinho, é o reconhecimento recebido pela gestão municipal, como a Melhor Gestão Fiscal da Região Metropolitana, segundo o último levantamento elaborado pelo Sistema da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan). “Mais uma vez, Pinhais é destaque no ranking do Índice Firjan de Gestão Fiscal. O último levantamento aponta que o município é o melhor entre 29 municípios avaliados na Região Metropolitana, incluindo Curitiba. Esse resultado é possível graças à gestão da Prefeita Marli, e da Vice Rosa Maria e a todos os servidores, pois ninguém faz nada sozinho. Quando se analisa a política nacional, está uma vergonha, terrível. Digo sempre que de fatos e boatos a política é feita. Um exemplo de fato são as malas pegas pela Policia Federal do ex-ministro Geddel. Por isso, a falta de dinheiro para a saúde, a educação. Pinhais, felizmente, apenas gasta o que arrecada. Temos de erguer as mãos para o céu porque aqui se trabalha para o povo. Na maioria das localidades do país não é assim. A saúde é um problema nacional, do próprio sistema do SUS. Aqui, temos acúmulo de demanda. Onde foi projetado para atenderem seis, sete mil pessoas, estão atendendo doze, treze mil. Mas há municípios em situação muito pior, onde nem posto de saúde há. É triste, indignante. Por que o povo não continua batendo panelas em protesto? Não digo isso porque sou petista. Não defendo político corrupto algum, seja de que partido for. Defendo que todos os corruptos sejam punidos, mesmo se forem do PT. Mas, o povo não pode se acomodar em relação a ninguém”, avaliou.

 

Renan Ceschin sugere implantação de área de lazer debaixo do Viaduto da João Leopoldo Jacomel

vereador renan ceschin

O Vereador Renan Ceschin (PODEMOS) comentou sobre o Projeto de Indicação ao Poder Executivo, de sua autoria, que sugere levar esporte e cultura para a área debaixo do viaduto que está sendo construído na Rodovia João Leopoldo Jacomel. “Este viaduto deverá ficar pronto entre março e abril de 2018. Minha sugestão à Prefeitura é que disponibilize atividades de lazer e cultura ali na área embaixo do viaduto, a exemplo de atividades de grafitagem, skate e outras, a fim de evitar a presença de moradores de rua e usuários de droga, muito comuns debaixo de viadutos. É importante salientar ainda que, em conversa com o Secretário de Esportes de Curitiba, Marcello Richa, solicitei que o projeto fosse encaminhado ao Governador Beto Richa. Marcello me garantiu que o mesmo seria entregue em mãos”, disse.

Desfile Cívico

Ao final de sua fala, Renan elogiou o Desfile Cívico em comemoração ao Dia da Independência do Brasil, realizado no sábado (02/09). “Foi um desfile muito bonito, muito bem organizado. Parabéns à Prefeitura, aos servidores e às famílias que compareceram. Um desfile bem organizado assim, só engrandece nossa cidade. Foi gostoso de assistir, não foi muito demorado, vimos os servidores contentes em desfilar e o povo em assistir. Pessoas de fora do município vieram para ver. A cada ano, o Desfile Cívico tem crescido e ganhado notoriedade fora da cidade. Isso é muito importante para Pinhais”, elogiou.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)