Escrito em por

por Vanessa Martins de Souza

Marcinho ressalta verba estadual de R$ 420 mil para a Saúde em Pinhais

vereador marcinho

O Presidente da Câmara, Vereador Marcinho (PDT), ressalta a importância das parcerias com o Governo do Estado para melhoria da qualidade dos serviços públicos no município, a exemplo da liberação, no último dia 12, de R$ 420 mil para Pinhais para atender à saúde. “É indispensável que o município mantenha parcerias com as esferas estadual e federal a fim de obter mais recursos para as diversas áreas da gestão, bem como programas e projetos. Do Governo do Estado, acaba de chegar uma verba para aquisição de uma ambulância básica e uma van para transporte de pacientes, além de um kit mobiliário, somando R$ 420 mil”, ressalta.

6ª edição do Mutirão da Saúde

O pedetista ainda acrescenta que a gestão municipal tem investido em saúde com dedicação, sempre buscando ampliar a qualidade dos serviços na UPA 24 horas e nas unidades de saúde. “No último dia 11, chegaram ao município mais cinco médicos para trabalhar no SUS, além de uma psicóloga, uma farmacêutica e uma técnica em saúde bucal. Outras ações que também estão contribuindo para agilizar os serviços em saúde em Pinhais foi a instalação de painel eletrônico na UPA; a 6ª edição do Mutirão de Saúde, cujos atendimentos iniciaram em outubro e seguem até o final de dezembro para a realização de aproximadamente 3,4 mil exames; e no início de novembro foi destinado para a cidade, por meio de emenda parlamentar, a compra de uma van para transporte e uma ambulância de suporte básico”, afirma.

 

Carlinhos incentiva participação em campanha ‘Natal Solidário’

carlinhos

O Vereador Carlinhos do Eliza (PT) elogiou a campanha ‘Natal Solidário 2019’, dos Correios. “É muito importante essa tradicional campanha dos Correios, na qual através da escolha de uma cartinha pode-se ajudar uma criança carente. Eu, mesmo, escolhi umas cartinhas e farei a entrega dos brinquedos para a criançada. Acho muito bacana quando as pessoas se mobilizam para fazer alguma coisa de bom para crianças carentes. Incentivo a todos a participarem da campanha. Pois, em bairros mais simples, muitas crianças não costumam ganhar nada, nada, no Natal. Muitas vezes, falta até comida em casa e acredito que ganhar comida possa até ser mais importante para muitas delas. Adotem uma, duas, três crianças nesse Natal e ajudem-nas a terem um final de ano de mais alegria e esperança. Tenho certeza que elas ficarão muito contentes em ganhar um panetone, um brinquedo. Campanhas assim devem ser sempre incentivadas, seja no Natal ou ao longo do ano. E todos ficamos mais felizes, também, em ajudar a quem precisa. Doação é um ato de amor, de generosidade, que faz bem, também, a quem dá. É uma satisfação poder ajudar e contribuir com o mínimo que seja a quem necessita”, incentiva o parlamentar.

 

Binga alerta para necessidade futura de criação de CAPS–I para tratar dependência química entre menores de idade

vereador binga

O Vereador Binga (CIDADANIA), ao discursar, nas Explicações Pessoais, alertou para a necessidade do município investir, futuramente, numa política de combate ao uso de drogas que inclua a criação de um CAPS I (Infantil) – para atender a crianças e adolescentes. “Trata-se de uma epidemia o uso de drogas, a dependência química entre os menores de idade, inclusive. Pinhais ainda é um município jovem, com muito a se investir. Futuramente, acredito que seria muito pertinente que nosso município contasse com um CAPS- I para atender aos menores de idade com problemas de dependência química. É um problema de saúde púbica seríssimo, a questão das drogas. Talvez, haja pessoas que ainda não têm na família um caso de dependência química, mas, futuramente, poderão deparar-se com casos entre seus netos, por exemplo, pois, os menores de idade estão obtendo acesso às drogas cada vez mais cedo. Assim como sempre defendo, aqui, a criação de mais Conselhos Tutelares no município. O ideal seria que Pinhais contasse com cinco Conselhos Tutelares. Essa é outra demanda importantíssima, relacionada à questão do menor de idade e a problemas gigantescos, inclusive, envolvendo pais usuários de drogas, muitas vezes. Enfim, são problemas entrelaçados que demandam um trabalho imenso do poder público. Estamos atentos e atuantes nesse sentido para que mais seja feito nessa área”, defendeu.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)