Escrito em por

DSC_0423

 

O evento realizado no Grande Auditório do Teatro Positivo, em Curitiba, contou com a presença da Governadora Cida Borghetti, diversos convidados dos eleitos e imprensa

No dia 18, terça-feira, o Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) realizou a sessão solene de diplomação dos eleitos, em 2018, para os Poderes Executivo (Estadual) e Legislativo (Federal e Estadual), quadriênio 2019/2022. A cerimônia, que aconteceu no Grande Auditório do Teatro Positivo, teve a mesa de honra composta pelo Desembargador Luiz Taro Oyama(; o vice-presidente e corregedor regional eleitoral, desembargador Gilberto Ferreira; a procuradora regional eleitoral, doutora Eloísa Helena Machado; entre outras autoridades.

A lisura do processo eleitoral

O Presidente do TRE, que entregou o diploma ao Governador eleito Ratinho Júnior, ressaltou os mecanismos de segurança das urnas eletrônicas, diante de um processo de votação que enfrentou o desafio de desmentir as fake News que contestaram a lisura do processo de votação. Na oportunidade, Dr. Luiz Taro Oyama destacou ainda que as supostas inconsistências apontadas foram apuradas e nenhum indício de fraude foi verificado. Para demonstrar a confiabilidade do sistema, o TRE-PR realizou audiências públicas e auditoria nas urnas impugnadas.

Dirigindo-se a todos os eleitos, o Desembargador Oyama reforçou a importância da defesa dos valores democráticos: “Sendo-lhes confiadas a administração do estado e a participação na administração do país, imperioso que o façam por aqueles que os elegeram, e sempre nos termos da Constituição, não se afastando dos fundamentos e dos objetivos da nossa República e dos valores e princípios da democracia, prezando pelos direitos e garantias já insculpidos pela ordem e progresso”, frisou.

Diplomação dos eleitos e suplentes

Salvo algumas atitudes deselegantes protagonizadas por alguns poucos diplomados (discurso com incitação ao ódio) e, também, convidados(vaias aos que têm ideias ou opiniões políticas divergentes), a cerimônia transcorreu dentro da civilidade.

Na ocasião, foram diplomados o Governador e o Vice, dois senadores, 30 deputados federais e 54 deputados estaduais, além dos 44 suplentes. De acordo com informações do TRE, a entrega dos diplomas atesta que o candidato foi efetivamente eleito pelo povo” e marca, também, o início do prazo para o ajuizamento de ações de impugnação da diplomação e do mandato eletivo, bem como o encerramento dos trabalhos relativos à eleição 2018.

Presenças marcantes

Entre os presentes à cerimônia de diplomação, destacamos as presenças da Governadora Cida Borghetti; o Presidente da Alep, Deputado Ademar Luiz Traiano; dos Desembargadores Adalberto Jorge Xisto Pereira e Renato Braga Bettega; da Procuradora-Chefe da Procuradoria da República do Estado do Paraná, Doutora Paula Cristina Conti Thá; entre outros nomes de relevancia incontestável.

DSC_0417

 

Diplomados expressam suas expectativas

Antes e depois da cerimônia, o Governador e alguns deputados eleitos concederam entrevista. Confira!

Paraná em um bom momento

Muito entusiasmado, o Governador eleito Ratinho Júnior, agora, diplomado, ressaltou que o Paraná vive um momento político muito bom, provavelmente um dos melhores da história. Em entrevista concedida antes da diplomação, Ratinho se comprometeu a reduzir a quantidade de Secretarias de Estado – de 28 para 15. O Chefe do Executivo Estadual declarou ainda que vai anunciar em breve os nomes dos secretários que ainda faltam ser revelados, como o da Fazenda, por exemplo. [O anúncio foi feito no dia 20, quinta-feira]

De acordo com o futuro gestor, o estado passa por uma fase muito especial. “Esse é um momento de união entre o povo e as autoridades constituidas. “Está na hora de implantar uma agenda positiva capaz de colocar o Paraná em um lugar de destaque no Brasil. Temos que retribuir toda a confiança que os paranaenses depositaram em nosso grupo político”, afirmou Ratinho Junior.

Diálogo ampliado

guto-1024x682

Futuro Chefe da Casa Civil do Governo Ratinho Júnior, o Deputado Estadual eleito Guto Silva ressaltou que os municípios paranaenses receberão toda a atenção possível do Governador eleito e de todos os Secretários de Estado. “Estamos cientes dos desafios e temos conhecimento das potencialidades de todas as regiões. Sempre discutimos [com Ratinho Junior] a necessidade da conexão entre poder público e sociedade”, disse, ressaltando que é imprescindível dar continuidade a essa forma de enxergar a administração pública, como por exemplo reduzindo gastos, sempre que possível, e canalizando recursos para nas obras e ações prioritárias”, frisou. Ainda segundo Guto, o objetivo é abrir a Casa Civil e ouvir mais. “Nossa meta é acelerar os projetos estruturantes”, declarou.

Educação como prioridade

DSC_0478

Segundo o Deputado Federal eleito Luizão Goulart, Ratinho Junior reúne muitas qualidades para ser um dos melhores governadores do Paraná. “Ratinho é jovem, capacitado e está disposto a fazer uma grande administração. Dessa forma será muito difícil dar errado. No que depender de mim, em Brasília, farei todo possível para que o Paraná receba os recursos necessários para continuar avançando”, afirmou Luizão.

No que se refere a atuação parlamentar, o ex-prefeito de Pinhais disse que vai trabalhar forte em defesa de uma educação com qualidade. “Acredito que por ser professor posso dar uma grande contribuição nessa área. “Investir em educação é vislumbrar um futuro melhor. A construção de escolas integrais é um dos importantes projetos que defenderei em Brasília. “Mesmo que, infelizmente, uma criança tenha vínculo com a criminalidade, seja através da família ou da comunidade que vive, ela terá a oportunidade de conhecer outra realidade através da educação. Há muita gente que defende apenas a presença de viaturas e efetivos policiais nas ruas. Não há dúvida de que as cidades precisam de policiamento. Porém, se pudermos evitar que nossas crianças sigam caminhos errados, não seria tão bom quanto?”, argumenta Luizão Goulart.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)