Escrito em por

campina03

 

Defender, fortalecer e garantir o Direito das Crianças. Esta é uma das principais atribuições do Conselho Tutelar. E seguindo esta base, a entidade convocou uma reunião com equipes de Agentes Comunitárias de Saúde do município.

O encontro, realizado na segunda-feira (11,) no plenário da Câmara Municipal, reuniu dezenas de pessoas e traçou uma ação conjunta que apesar da sensibilidade dos assuntos – que na maioria dos casos envolvem violência, álcool e drogas – torna o mecanismo de detecção de circunstâncias de vulnerabilidade social mais preciso.

De acordo com Airton de Oliveira, membro do Conselho Tutelar de Campina Grande do Sul, a proposta prevê a ampliação da Rede de Proteção já existente por meio da sociedade organizada, a qual deve estar sempre em alerta diante de possíveis casos de violação das crianças. E é aí onde o papel das profissionais da saúde ganha protagonismo.

“As agentes comunitárias percorrem os quatro cantos do município. Elas têm maiores chances de identificar o padrão de comportamento das famílias e assim, nos relatarem denúncias ou mesmo possíveis suspeitas, por meio das quais o Conselho Tutelar poderá agir. É um meio para que a informação chegue mais rápido até nós”, revela o conselheiro.

Denúncias

Casos suspeitos que envolvam a necessidade de atuação do Conselho Tutelar devem ser comunicados por telefone 3676-8091. O registro também pode ser feito via e-mail: [email protected] A entidade está sediada no endereço Rua Telêmaco Crisóstomo da Silva, 127, no Centro de Campina Grande do Sul.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)