Escrito em por

pinhais06

 

Na ocasião foi apresentado o decreto que regulamenta o órgão, além de como se dá o funcionamento do Conseg na prática

O Conselho de Segurança de Pinhais (Conseg) realizou a primeira reunião ordinária de 2018 e na ocasião foi apresentado o decreto que regulamenta o órgão, além de como se dá o funcionamento do Conseg na prática. O evento foi realizado no Centro Cultural Wanda dos Santos Mallmann.

Ivaldo de Sá Barreto, presidente do Conseg, destacou a evolução dos conselhos de segurança. “Os conselhos de segurança passaram por algumas transformações bastante expressivas, a princípio eles foram criados aleatoriamente a partir de líderes comunitários, e após prosperarem foram regulamentados. É importante que a gente transmita isso aos líderes comunitários, aos representantes do legislativo e a todos aqueles que efetivamente se preocupam com a segurança do município”, afirmou o presidente.

O secretário de Governo de Pinhais, Ricardo Pinheiro, representou a prefeita Marli Paulino, e ressaltou que as parcerias são essenciais e refletem em benefícios para a população. “Nós temos que agir em conjunto em prol da sociedade, pois a qualidade na segurança pública é um anseio de todas as pessoas. Em uma comparação, o Conseg é uma das fatias deste grande bolo e todos os órgãos da segurança devem unir forças em benefício do nosso município”, afirmou.

Também estiveram presentes o vice-presidente do Conseg, Levy Paulo Da Silva Falcão; o 1º Secretário do Conseg, Mauro Luiz Growoski; o delegado titular da Polícia Civil, comandante da 5ª Cia do 22º BPM, Capitão Adriano Lucio; superintendente da Guarda Municipal, Dorival Selbach Junior; representando o Legislativo Municipal, as vereadoras professora Cinéia e Cecília Padovan, e os vereadores Filho, Arnaldo do Vizinho Solidário, Dirceu da Aposentadoria e Zé Francisco; o secretário de Administração, José Martins; diretor do Departamento de Segurança Pública e Patrimonial, Otávio Câncio do Amaral; presidente do Conselho de Saúde de Pinhais, Leonilda Silva, e o gerente da Defesa Civil de Pinhais, David Esquitini.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)